Newsletter
Mensagem
Ao serviço dos Empresários da Região
Ao serviço dos Empresários da Região

projeto de Formação-Ação ‘Melhor Turismo 2020’

compete_2020_uniao_europeia

Identificação e Enquadramento do Projeto:
Aviso: 12/SI/2019
Projeto nº: POCI-03-3560-FSE-000562
Programa Operacional: Programa Operacional Competitividade e Internacionalização
Fundo: FSE - Fundo Social Europeu
Eixo Prioritário: Sistema de Incentivos a Projetos Conjuntos de Formação-Ação - FSE (PI.8.5) - "Qualificação das PME"
Objetivo temático: Promoção e sustentabilidade e da qualidade do emprego
Tipologia da Operação: Formação-Ação para PME - 2º ciclo
Organismo Intermédio: CPT - Confederação do Turismo Português
Região de Intervenção:
Distrito de Castelo Branco
Áreas Temáticas do Projeto:
Capitalizar: otimização de recursos financeiros
Economia Digital
Implementação de Sistemas de Gestão
Montantes Envolvidos:
Custo Total elegível: 196 320,01€
Comparticipação FSE: 176 688,01 €

Data de Início: 2019-10-01
Data de Fim: 2021-09-30

Síntese do Projeto:

O projeto de Formação-Ação 'Melhor Turismo 2020', promovido pela AEBB - Associação Empresarial da Beira Baixa, tendo como organismo intermédio a CPT - Confederação do Turismo Português, é co-financiado pelo Fundo Social Europeu e enquadra-se no Eixo III - Promoção da Sustentabilidade e da Qualidade do Emprego, na modalidade de Projectos Conjuntos, do Sistema de Incentivos à Qualificação e Internacionalização das PME, do COMPETE 2020.
Os objetivos gerais do projeto visam sobretudo, contribuir para aumentar a capacidade de gestão das empresas participantes, no sentido de promover a reorganização, a inovação e a mudança, bem como a qualificação dos seus recursos humanos em domínios relevantes.

Objetivos Específicos do Projeto:
O projeto tem previsto como objetivo específico, Intensificar a formação dos empresários e gestores para a reorganização e melhoria das capacidades de gestão, assim como dos trabalhadores das empresas, apoiada em temáticas associadas à inovação e mudança nas PME, procurando contribuir para:
- O aumento da qualificação específica dos trabalhadores em domínios relevantes para a estratégia de inovação, internacionalização e modernização das empresas;
- O aumento das capacidades de gestão das empresas para encetar processos de mudança e inovação;
- A promoção de ações de dinamização e sensibilização para a mudança e intercâmbio de boas práticas.

Metodologia da Intervenção:
O modelo de formação-ação é uma intervenção com aprendizagem em contexto organizacional e que mobiliza e internaliza competências com vista à persecução de resultados suportados por uma determinada estratégia de mudança empresarial. Os tempos de formação e de ação surgem sobrepostos e a aprendizagem vai sendo construída através do desenvolvimento das interações orientadas para os saberes-fazer técnicos e relacionais. Trata-se assim de uma metodologia que implica a mobilização em alternância das vertentes de formação (em sala/workshops) e de consultoria (em contexto de trabalho). Este processo de intervenção está estruturado da seguinte forma:

A.    Diagnóstico
B.    Definição e Planeamento de um Plano de Ação
C.    Implementação do Plano de ação
D.    Avaliação de Resultados/Melhorias implementadas


Temáticas de Intervenção:
O projeto obedece a uma estrutura de intervenção segundo dois ciclos temáticos, designadamente:

Ciclo Gestão de Microempresas

Temáticas Objetivos Destinatários
Capitalizar: optimização de recursos financeiros Dotar as PME em função dos resultados do diagnóstico, de capacidade técnicas e fomentar a mudança de atitudes que contribuam para uma atuação mais esclarecida, acautelando problemas de natureza financeira, aumentando a resiliência e o crescimento dos negócios. PME, preferencialmente até 5 trabalhadores, ou com mais de 5 trabalhadores desde que o pré-diagnóstico efetuado recomende esta intervenção.
Economia digital Aquisição de competências básicas digitais, nomeadamente uma estratégia de marketing digital em especial nas vertentes da comunicação e comercialização em ambiente digital.

Ciclo Planeamento

Temáticas Objetivos Destinatários
Implementação de sistema de gestão Munir as PME do setor de ferramentas que lhes permita obter uma posição diferenciadora perante a concorrência de mercado, melhorando a qualidade dos produtos e serviços. PME, preferencialmente com mais de 5 trabalhadores, ou com um menor número de trabalhadores que já tenham efetuado o Ciclo de Gestão de Microempresas ou que o pré-diagnóstico efetuado dispense essa intervenção.

Se está interessado em participar preencha a ficha de pré-adesão AQUI e envie para monica.cardoso@aebb.pt

Mais informações:
Mónica Cardoso
Tele: 272 340 250 | 962 125 785

2017 02 18_fp_logotipo aebb cores.jpgLogo_CTP

 

Ciclo Gestão de Microempresas